FONO 
1.03.38.00.00.00.00
Departamento de Fonoaudiologia - CCS

Campus de Maruípe

Avaliação audiológica infantil: objetivos e finalidades. Procedimentos de avaliação audiológica no recém-nascido e até os 6 anos de idade. Programa de Triagem Auditiva Neonatal Universal. Procedimentos de avaliação eletroacústica e eletrofisiológica da audição na criança. Interpretação da avaliação audiológica. Técnicas e procedimentos de avaliação nos transtornos auditivos.


Adaptação do AASI e (re)habilitação em populações especiais: unilateriais, pediátrica e em pacientes com zumbido.Implante Coclear. Próteses semi e implantáveis na reabilitação da deficiência auditiva.  Tecnologia assistiva e Sistema de FM. Técnicas de reabilitação no implantado coclear. Atendimento de crianças e adolescentes com deficiência auditiva. Técnicas de atendimento individual e em grupo de crianças com deficiência auditiva. Programas de orientação e aconselhamento a pais. Estratégias de reabilitação em leitura e escrita para crianças com deficiência auditiva. Reabilitação auditiva no adulto e idoso. Saúde Auditiva no Brasil.


Avaliação audiológica infantil: objetivos e finalidades. Procedimentos de avaliação audiológica no recém-nascido e até os 6 anos de idade. Programa de Triagem Auditiva Neonatal Universal. Procedimentos de avaliação eletroacústica e eletrofisiológica da audição na criança e no adulto. Interpretação da avaliação audiológica. Técnicas e procedimentos de avaliação nos transtornos auditivos.

Vivência orientada da prática profissional de Fonoaudiologia ambulatorial. Visão integrada das informações de anamnese e avaliação Audiológica. Integração ao corpo clínico e ambientação no local de estágio. Exercício dos conceitos prático-teóricos das disciplinas precedentes.

Dados teóricos e conceituais dos dispositivos de amplificação para deficientes auditivos. Componentes principais, características físicas e eletroacústicas dos AASIs. Moldes auriculares, Métodos de prescrição de ganho e saída máxima. Tecnologia digital. Sistemas de limitação de saída. Princípios de seleção, verificação e validação dos aparelhos de amplificação sonora individuais em adultos  e crianças. 


Ementa: Patologias do pescoço e laringe. Classificação das Disfonias. Conceito, princípios e métodos para análise e avaliação da voz. Anamnese e avaliação fonoaudiológica da voz adulto e infantil (avaliação perceptivo-auditiva e acústica). T reinamento auditivo. Instrumentos de análise, protocolos e parâmetros. Correlação AVA. Qualidade de vida em voz e enfrentamento. Interação Profissional entre a Fonoaudiologia e a Otorrinolaringologia. Biossegurança.

Objetivos da Disciplina:

§ Possibilitar ao estudante o conhecimento sobre os diferentes distúrbios da voz, identificando os prováveis fatores causais, desencadeantes e mantenedores da disfonia.

§ Oferecer ao aluno subsídio teórico para realizar avaliação fonoaudiológica específica dos diferentes transtornos da voz.

§ Levar o aluno a definir, caracterizar, reconhecer e correlacionar os processos alterados, bem como as manifestações dos transtornos de voz.

§ Conhecer o impacto das lesões laríngeas na produção vocal (compreendendo suas causas, incidência, conceito e principais características).

§ Possibilitar raciocínio crítico e discussão multiprofissional dos achados fonoaudiológicos e médicos.

§ Interpretar os dados de avaliação do paciente, definir o planejamento terapêutico e reconhecer os limites da atuação fonoaudiológica.

Trata-se de uma disciplina obrigatória que compõe a matriz curricular do Curso de Graduação em Fonoaudiologia da UFES.


CH: 90 horas/aula


Oferta: semestral

3a feira 10:00 - 12:00h

4a feira 8:00 - 12:00h


Ementa: Patologias do pescoço e laringe.Classificação das Disfonias. Disfonias funcionais, organofuncionais e orgânicas (neurológicas). Conceito, princípios e métodos para análise e avaliação da voz. Avaliação vocal fonoaudiológica objetiva e subjetiva. Instrumentos e parâmetros de análise da voz. Treinamento auditivo. Correlação AVA. Interação Profissional entre a Fonoaudiologia e a Otorrinolaringologia. Biossegurança.

Objetivos da Disciplina:

  • Possibilitar ao estudante o conhecimento sobre os diferentes distúrbios da voz, identificando os prováveis fatores causais, desencadeantes e mantenedores da disfonia.

  • Oferecer ao aluno subsídio teórico para realizar avaliação fonoaudiológica específica dos diferentes transtornos da voz.

  • Levar o aluno a definir, caracterizar, reconhecer e correlacionar os processos alterados, bem como as manifestações dos transtornos de voz.

  • Conhecer o impacto das lesões laríngeas na produção vocal (compreendendo suas causas, incidência, conceito e principais características).

  • Possibilitar raciocínio crítico, interpretação dos dados de avaliação do paciente e discussão multiprofissional dos achados fonoaudiológicos e médicos.